terça-feira, 27 de setembro de 2016

QUEM QUISER AMOR E VERDADE QUE LIBERTAM



Texto de autoria de Alceu Natali com direito autoral protegido pela Lei 9610/98. LEIA O TEXTO AO SOM DA MÚSICA DO VÍDEO POSTADO NO FIM. Sem ela, a vida seria um erro (Friedrich Nietzsche)

Não remontem a genealogia de um mito a outros de Adão e Eva e nem a Deus
Se ele tivesse existido, seria de família simples, não acreditaria em lendas e nem nas fábulas dos judeus

Não fecundem uma mãe com virgindade e espírito santo
Isto é um insulto a um pai que cria muitos filhos e trabalha tanto

Não coloquem sabedoria numa criança de apenas doze anos de idade
Parem de roubar ideias de livros de escritores de notoriedade

Não desvalorizem um benzedor com palavras tão levianas e desavisadas
Ele foi um homem de carne e osso e o outro só letras em livros de contos de fadas

Não chamem o outro de missionário e de mestre de enviados
Se ele existiu, quanto muito foi servo do mundo e igual a todos os necessitados

Não xinguem o outro de curandeiro e de milagreiro
Se ele existiu, foi trabalhador braçal e não tinha vocação nem para carpinteiro

Não coloquem na boca do outro provérbios, parábolas e histórias da nobreza
Se ele existiu, não sabia ler nem escrever e não seria com fantasias que sairia de sua pobreza

Não enganem a humanidade atribuindo ao outro o título de cristo salvador e consolador
Se ele existiu, era mais carente do que vocês homens letrados que não sabem o que é sofrimento e dor

Não limitem a vida do outro à idade do Rei David
Se ele existiu, teria dito: nasci, cresci, vivi e de velhice morri.

Não inventem culpados como Judas, Pilatos e Caifás
Se ele existiu, morreu pelas mãos da natureza e não pela religião que vos apraz

Não pendurem este outro numa cruz e não o ressuscitem de uma sepultura
Obrai vossa libertação com determinação, humildade, trabalho árduo, amor e ternura


video